Buscar

Ansiedade e depressão

Por Cristiane Pagliuchi

Eng Cosmética, Aromaterapeuta, especializada em osmologia, psicoaromaterapia e linguagem do corpo.


Os óleos essenciais naturais, são a forma de energia vegetal mais concentrada que existe e são extraídos de plantas aromáticas.  Cada planta tem um ativo molecular específico que deverá ser o mesmo ativo do óleo essencial.


O método de extração dos óleos essenciais é através da destilação por arraste a vapor, na maioria das vezes. Para você ter uma ideia, 1 gota de óleo essencial é em média 30 gramas de planta in natura. Ou seja, para obter um litro de óleo essencial são necessárias centenas de quilos de plantas.


Apesar do nome óleo essencial, geralmente não têm aspecto oleoso e são, na sua maioria, extraídos de caules, flores, folhas, cascas de árvores, sementes e raízes. Os óleos são usados na Aromaterapia como uma ferramenta de apoio para saúde, equilíbrio e bem-estar, e são mundialmente conhecidos por agir em questões terapêuticas diversas com grande funcionalidade.


No contexto que estamos vivendo hoje, ansiosos, angustiosos e de certa forma desmotivados, tranquilizar e proporcionar a paz e a alegria, é fundamental. A ansiedade é um distúrbio de saúde mental, caracterizado por sentimentos de preocupação, medos e insegurança, que interferem nas atividades diária e proporcionam aumento no batimento cardíaco, além de aumentar o cortisol.  É capaz de desequilibrar o físico e o emocional de qualquer pessoa ou animal.


À noite é o momento em que estamos com nós mesmos, mais introspectivos, às vezes sozinhos. É quando chegamos em casa, depois de um dia de trabalho, quando paramos literalmente com atividades físicas e mentais cognitivas, iniciamos pensamentos com foco em problemas e em soluções possíveis, tudo antes de nos deitar. Esses pensamentos vão ganhando formatos irreais e podem trazer insônia, sensação de impotência, angústia e início de depressão, além da falta de energia para iniciar um novo dia.


Próximo ao horário de dormir, nosso organismo deve procurar um local aconchegante, sem barulho, com meia luz ou pouca luz, que proporcione a liberação no organismo de um hormônio que se chama melatonina. Nesse momento, o ideal é não ver TV após as 20 horas, evitar noticiários sensacionalistas, não ter contato com palavras negativas e que influenciem na tranquilidade geral do seu organismo, podendo causar qualquer insegurança ou medo. Filtre as informações, SEMPRE!


No isolamento em que o mundo está, fará com que as pessoas sejam mais seletivas no pós-covid-19, mais cuidadosas com o falar, com seu posicionamento no mundo, e procurem maior conexão com a natureza, seja ela na escolha da sua alimentação, ou no seu estilo de vida. O consumo passará a ser mais consciente e inteligente. Novos hábitos serão implementados para os humanos e animais.


Precisamos de um equilíbrio físico e mental, capaz de alterar a frequência dos pensamentos e das nossas ações. Diminuir o consumo de químicos e introduzir cada vez mais produtos naturais nas nossas vidas, será essencial para mantermos o nosso físico e mental equilibrados.

Ansiedade O óleo mais usado para diminuir ansiedade, trazer paz e auxiliar no relaxamento físico e mental é o óleo de lavanda da espécie Lavandula angustifólia ou officinalis (conhecida mundialmente como lavanda francesa). Existem outros óleos que ajudam nessa mesma atividade, como o de erva doce e de camomila. Você pode usar os óleos em sinergias (misturados entre si), mas sempre associados a óleos vegetais, gel, ou creme, desde que sejam neutros, nesse caso, o melhor momento seria após o banho à noite ou antes de dormir.


Nunca use os óleos essenciais puros na pele. Para o corpo, a proporção ideal é 5 ml ou 6 ml de óleo base para 2 gotas de óleo essencial. No caso dos géis ou cremes, 2 colheres de sopa para cada 2 gotas de óleo essencial.


No ambiente, os óleos devem ser usados na difusão aérea, através de difusores a vela, com lâmpada, tomada, peebles de cerâmicas ou ultrassônicos. A proporção é 10 ou 15 gotas para até 3 horas de Aromaterapia.


Existem também colares pessoais aromáticos, onde você pinga 1 gota de óleo essencial e consegue ter a atividade da aromaterapia por até 1 ou 2 horas.

Depressão


Para a depressão e falta de energia, indicamos os óleos cítricos, podendo ser laranja doce, grapefruit, bergamota, néroli e flor de laranjeira.


Contra a exaustão e fadiga, podemos usar alecrim, menta, vetiver e canela, sempre da mesma forma, ou seja, para o corpo a proporção ideal é 5 ml ou 6 ml de óleo base para 2 gotas de óleo essencial. No caso dos géis ou cremes, 2 colheres de sopa para cada 2 gotas de óleo essencial.



No ambiente os óleos devem ser usados na difusão aérea, através de difusores a vela, com lâmpada, tomadinha, peebles de cerâmicas ou ultrassônicos. A proporção é 10 ou 15 gotas

para até 3 horas de Aromaterapia.


Existem também colares pessoais aromáticos, onde você pinga 1 gota de óleo essencial e consegue ter a atividade da aromaterapia por até 1 ou 2 horas.


Os óleos essenciais são complementares em alguns tratamentos médicos e é necessário o conhecimento deles, saber como aplicar e suas técnicas, sempre com orientação profissional de um aromaterapeuta ou osmólogo.

WNF - World's Natural  Frangances

SAC: (11) 3857-7790
2ª a 5ª das 8h às 18h e 6ª feira das 8h às 17h

E-mail: sac@wnf.com.br

© 2020 por @onebranding